Astrologia e Tarô  - Visconde de Mauá
 
Porque somos irresistivelmente atraídos por determinada pessoa e mesmo sem jamais tê-la visto antes ela nos parece familiar? Ou porque sentimos desconfiança, medo ou aversão diante de alguém, sem entender bem o porque? Por alguns  nos apaixonamos à primeira vista e por outros, ainda, sentimos total indiferença.  
 
Para explicar astrologicamente esses mistérios a sinastria  entre os nodos da Lua e os planetas é de grande utilidade, revelando a dinâmica oculta que está por trás da relação entre duas pessoas. Embora outros aspectos também indiquem os relacionamentos cármicos na comparação entre mapas (como os envolvendo a Lua, Saturno e Plutão) os  aspectos dos Nodos Lunares  revelam se  já  conhecemos alguém de outros planos ou se temos um encontro  marcado com ele  nesta vida.    
 
Relacionados ao que foi trazido do passado e ao  direcionamento futuro, os nodos lunares  são frequentemente associados ao carma e ao dharma. Segundo as tradições mais antigas eles representam energias vindas do além, de outros planos e dimensões. Esses dois pontos de encontro entre Sol e Lua foram comparados à linha do destino, sendo indicadores  do passado e do propósito da vida presente. Em sinastria  eles estão, portanto,  relacionados aos nossos débitos e créditos passados a serem resolvidos no presente com a outra pessoa. Entretanto,  passado, presente e futuro não se conectam de forma linear, mas de múltiplas maneiras. 
 
O nodo sul tem uma relação com as as sensações e reações inconscientes, enterradas no fundo do baú. Suas conjunções com um planeta pessoal  de outra pessoa explicam, muitas vezes, a necessidade compulsiva de estar junto, que pode se tornar uma relação de . Caso o planeta do  contato for  Lua, Vênus ou Júpiter os dois se sentem extremamente à vontade
co dependência um com o outro. Quando o planeta é Marte ou Plutão,  entretanto,  algumas confusões, conflitos antigos ou atrações  fatais podem acontecer. 
 
Relacionado ao futuro, a esferas de consciência que ainda estão se projetando, a conjunção do Nodo Norte com um planeta revela  um relacionamento especialmente favorável.  Cada vez que um expressa o planeta a energia do nodo da outra é estimulada. A pessoa do planeta também se beneficia desta parceria, pois o relacionamento entre as duas traz uma abundância de energia e afirmação de vida, especialmente se o planeta for o Sol. 
 
Um dos indicadores de relacionamento compatível é a inversão nodal, quando as pessoas têm seus nodos em signos opostos. Nesses casos, uma é naturalmente o que a outra precisa desenvolver, e elas despertam a energia dos nodos uma na outra.                        
 
Website Builder provided by  Vistaprint